sábado, 19 de março de 2011

Segundo estágio: período expulsivo

O trabalho de parto se divide em três estágios. Vamos ver o 2º estágio.                  

1º estágio, acontecem as contrações que levam à dilatação do colo do útero, cujo orifício abre 10 centímetros.
http://claraviegasmiranda.blogspot.com/2011/03/os-estagios-do-trabalho-de-parto.html

2º estágio, o de expulsão, quando você tem de fazer força.

3º estágio é a saída da placenta, depois que o bebê nasce. 

___________________________________________________
Quando o colo do útero estiver 10 centímetros dilatado, começa o trabalho duro -- e junto vem a emoção, já que a hora de você ver a carinha do seu filho está mesmo chegando.

É nesse estágio que seu útero empurra o bebê pela vagina, ou pelo canal de parto. Muitas vezes há um certo intervalo nas contrações entre o fim do primeiro estágio e o começo do segundo, e você e seu bebê podem descansar um pouco.

Quando as contrações voltarem, você vai sentir a pressão da cabeça do bebê entre suas pernas. A cada contração, quando você fizer força, ele vai descer mais um pouco na sua bacia, mas, quando a contração acabar, ele vai recuar!

Não se desespere. Desde que ele esteja avançando um pouquinho por vez, está tudo bem. Quando a cabeça do bebê estiver chegando na vagina, você vai sentir uma sensação quente, de ardor, e o médico vai anunciar que o bebê está "coroando".

A cabeça começará a sair, e pode ser que o médico peça para você parar de fazer força. Assim, o bebê nasce mais devagar, e diminui o risco de você ter lacerações no períneo, a área entre a vagina e o ânus.

Dependendo do caso, o obstetra pode preferir fazer um pequeno corte no períneo, a episiotomia, para facilitar a saída do bebê.

Quanto tempo vai demorar?

Se você já teve um bebê antes, o segundo estágio pode levar menos de dez minutos. Se for seu primeiro filho, pode demorar horas.

O que você pode fazer

Siga o que seu corpo pede e faça força quando sentir vontade. Tente não prender a respiração. Você vai ver que pode fazer força várias vezes durante uma mesma contração.

Se você recebeu a anestesia peridural, peça ao médico ou à enfermeira obstetriz para lhe dizer quando deve fazer força.

Você pode tentar mudar um pouco de posição, na medida do possível (isso pode ser difícil se você não estiver sentindo as pernas). Às vezes ficar de lado, sobre a parte esquerda do corpo, facilita a passagem do bebê pelo canal de parto.

Fonte: http://brasil.babycenter.com/pregnancy/parto/estagios-parto/

Um comentário:

  1. Que orgulho da gravidinha que esta se informando e preparando....

    ResponderExcluir

Deixe seu recadinho. Compartilhe suas experiências...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...